panamericano

De 14 a 16 de setembro, no Windsor Barra Hotel, no Rio de Janeiro, o associado terá a oportunidade de participar de dois importantes eventos. “O que seria o Congresso Brasileiro, ao qual os especialistas já estão habituados, se transformará em um Congresso Internacional, com a presença dos principais colegas formadores de opinião do nosso continente. Será a oportunidade de trocarmos experiências com médicos de outros países e descobrir como costumam proceder diante de diferentes situações clínicas”, diz o doutor José Kawazoe Lazzoli, que será um dos palestrantes e falará sobre como a prática regular de exercícios é capaz de influenciar na longevidade e na redução de doenças cardiovasculares e metabólicas. “O tema é um dos mais atuais e tem a ver com a valorização das ações que são capazes de melhorar a qualidade de vida e prolongá-la”, completa ele, que é diretor científico da SBMEE.

Ainda segundo o doutor Kawazoe Lazzoli, pela abrangência do evento e da especialidade, certamente os congressos interessarão a todos os especialistas em medicina do exercício e do esporte, os médicos de especialidades correlatas, como a traumatologia do esporte e a cardiologia do exercício e do esporte, além de todos os profissionais das ciências do esporte, como educadores físicos, fisioterapeutas, nutricionistas e psicólogos do esporte.

 

Destaques

Entre os palestrantes brasileiros, estarão grandes nomes da especialidade, como o professor Eduardo De Rose, que é um dos maiores experts na área de medicina do esporte, reconhecido mundialmente por ter sido presidente da Federação Internacional de Medicina do Esporte (FIMS) durante oito anos. Estão confirmadas também a presença do atual presidente da SBMEE, doutor Daniel Kopiler, o presidente eleito, doutor Marcelo Leitão, e os ex-presidentes doutor Samir Daher, professor Arnaldo Hernandez e doutor Félix Drummond, além do atual editor da Revista Brasileira de Medicina do Esporte, doutor Ricardo Munir Nahas – todos líderes em suas áreas de atuação. Do exterior, virão o italiano Fabio Pigozzi, atual presidente da FIMS, o doutor Adrian Lorde, de Barbados, que é presidente da Confederação Pan-Americana de Medicina do Esporte (COPAMEDE), e o doutor Daniel Zarrillo, do Uruguai, presidente da COSUMED.

Os temas ainda não foram definidos, pois o programa científico está em fase de elaboração. “É importante lembrar que o Brasil tem uma forte experiência na realização de eventos de grande porte. Em 2007, por ocasião dos Jogos Pan-Americanos, organizamos um belíssimo Congresso Pan-Americano no Rio de Janeiro, que foi mais uma vez eleito para sediar o evento deste ano. A SBMEE está trabalhando intensamente para preparar um Congresso sensacional e imperdível. Creio que todos os colegas que militam nas áreas de medicina e ciências do esporte devam estar presentes, participando e prestigiando este grande encontro, expondo suas experiências e compartilhando informações com os colegas estrangeiros”, completa o doutor Kawazoe Lazzoli.

Artigos Similares